A Comissão Europeia prometeu hoje ajudar os estados-membros a controlar os fluxos de imigração, provenientes sobretudo da costa atlântica africana. Para isso foi criado um grupo de trabalho composto por seis comissários europeus, responsáveis pela Segurança, Desenvolvimento, Assuntos Externos, Regiões da UE, Política Social e Política Educativa.

O comissário europeu para a Justiça, Franco Frattini, garantiu ainda que vai pedir aos estados-membros um aumento de verbas para o controlo das fronteiras, respondendo deste modo ao apelo lançado pelo Governo de Espanha, que se tem debatido com permanentes vagas de imigração clandestina.

Este ano, 19 mil imigrantes chegaram às ilhas Canárias, mas entre 600 e 3 mil pessoas morreram nas águas do Atlântico, sem alcançar o destino.

Só em Agosto, as ilhas receberam mais imigrantes do que no ano passado.

COORDENADAS ÚTEIS:

AKI (Itália)

TheParliament.com (Bélgica)

BBC